Carregando... Aguarde...
  • Imagem 1

Metamorfose, A

R$ 26,90
SKU: 9786588410134
Qtd
    Simule seu frete Calcular
    Compartilhe

    Ao despertar certa manhã de sonhos intranquilos, Gregor Samsa encontrou-se em sua cama metamorfoseado em um assombroso inseto. Este começo sem preâmbulos é dos mais famosos, impactantes e influentes da literatura universal. Não é exagero dizer que é um divisor de águas, transformando irreversivelmente o modo de se fazer literatura.

    Gregor Samsa, um jovem sem vida social e sem férias, é um caixeiro viajante que trabalha para sustentar os pais e sua irmã Greta, a quem sonha enviar para o Conservatório para estudar violino. Ele acorda certo dia e percebe que está transformado num inseto cheio de perninhas que não sabe bem controlar, um corpo com uma casca grossa marrom, umas antenas que ele não sabe para que servem. Não há drama, e ele pensa apenas que está atrasado para pegar o trem que jamais havia perdido. Por seu atraso, perguntam do lado de fora do seu quarto se ele está bem, mas sua voz em resposta é incompreensível para os outros. Quando é visto pelo gerente da firma, que vai procurá-lo em casa, e pela família, em sua nova condição, a estrutura familiar da qual é arrimo se altera drasticamente.

    A metamorfose, publicado em 1915, é um marco não apenas na literatura, mas nas artes, tendo influenciado o movimento surrealista, o teatro do absurdo, além de inúmeros escritores.

    Este produto não recebeu nenhum comentário até agora. Seja o primeiro e enviar um comentário para este produto!

    Escreva seu próprio comentário para o produto

    Franz Kafka nasceu em 1883, em Praga. De família judaica, teve em seu pai, o comerciante Hermann Kafka, um homem dominador e autoritário, uma figura que marcaria fortemente sua vida e seu trabalho literário. Na universidade, conheceu Max Brod, que se tornaria seu melhor amigo. Formou-se em direito em 1906. Em 1907 ingressou no Instituto de Seguro de Acidentes de Trabalho, onde deu expediente até 1922, com afastamentos para cuidar da saúde desde que foi diagnosticado com tuberculose, em 1917. Pontuada de amores que não prosperaram e noivados fracassados, a vida sentimental de Kafka foi conturbada. Participou do movimento artístico conhecido como Escola de Praga. Escreveu muito, no entanto teve poucos textos publicados. Passou por internações em sanatórios e morreu pela tuberculose em 1924. Nas sombras dessa biografia sem grandes feitos e aparentemente monótona, melancólica, desinteressante, Kafka criou uma das poderosas e influentes obras literárias do século XX. Estão presentes em suas obras a fragilidade humana frente às poderosas engrenagens sem rosto e sem humanidade, o absurdo seco e implacável impondo-se como realidade, o desencanto, a desumanização das relações. Contrariando a vontade de Franz Kafka, Max Brod não queimou seus escritos depois da sua morte. Seu legado, que inclui os romances O processo e O castelo, mudou para sempre como se lê e se escreve literatura. Kafka é desses raros autores que se tornaram adjetivos.

    Assine nossa Newsletter

    Ver Carrinho Realizar Pagamento